sexta-feira, 2 de maio de 2014

O que eles disseram.

 

O que ele disse


"O tempo vai se encarregar de provar que o mensalão, você teve praticamente 80% de decisão política e 20% de decisão jurídica. O que eu acho é que não houve mensalão. Eu também não vou ficar discutindo a decisão da Suprema Corte. Eu só acho que essa história vai ser recontada. É apenas uma questão de tempo, e essa história vai ser recontada para saber o que aconteceu na verdade."
Luiz Inácio Lula da Silva, ex-presidente da República, em entrevista à TV portuguesa RTP.


O que ele disse


"O juízo de valor emitido pelo ex-chefe de Estado não encontra qualquer respaldo na realidade e revela pura e simplesmente sua dificuldade em compreender o extraordinário papel reservado a um Judiciário independente em uma democracia verdadeiramente digna desse nome."
[...]
"Lamento profundamente que um ex-presidente da República tenha escolhido um órgão da imprensa estrangeira para questionar a lisura do trabalho realizado pelos membros da mais alta Corte do país."
Joaquim Barbosa, ministro-presidente do Supremo Tribunal Federal, rebatendo declarações do ex-presidente Lula de que o julgamento dos réus do mensalão foi "80% de decisão política e 20% de decisão jurídica".

O que ela disse


"Ninguém vai me separar do Lula nem ele vai se separar de mim. Sei da lealdade dele a mim e ele da minha lealdade a ele. Conheço o Lula desde 2000 e tenho uma convivência direta com ele desde 27 de abril de 2005."
Dilma Rousseff, presidente da República, a um grupo de jornalistas de Esportes dos principais jornais e redes de TV, no Palácio Alvorada, em Brasília.
disseram 

Nenhum comentário:

Postar um comentário