PARÁ – Não à divisão

 

 

Colaboração do internauta Aguinaldo Soares.

PARÁ – A falácia dos oportunistas

“Será que alguém notou de onde iniciou o atual sentimento e por conseguencia tal consulta popular?
“O inicio foi uma resposta engenhosa as cobranças feitas por eleitores ao políticos das respectivas regiões, os próprios viram uma oportunidade de ouro para aumentar seu poder de fogo e ainda se passarem por salvadores da pátria até quando forem desmascarados em suas biografias póstumas!
“Gente será que ninguém percebe que o domínio se torna muito mais fácil reduzindo o numero de quem decide?
“Qual é uma única proposta executável apresentada a não ser a do isolamento no caso de Carajás e o empobrecimento no caso de Tapajós?
“Porque não existiu essa união para eleger um senador para representar essa união entre Carajás e Tapajós já que um governador seria apenas uma probabilidade positiva e um senador uma certeza inquestionável?
“O modo de políticos inoperantes agirem é um só , levar sonhos irrealizáveis e assim conseguir o seu voto !
 “Alguém é bastante louco para pensar que os que agora estão sob a mesma bandeira continuaram sob ela após conseguirem seu objetivo?
“Toda quadrilha começa a ser dizimada na hora de dividirem o produto do roubo, porem os remanescentes serão novos chefes de outras quadrilhas e assim até serem mortos ou presos”
Frase escrita pela policia francesa no seu manual de formação de policiais em 1887
“A realidade de cada região esta nas câmaras de vereadores dos municípios que as compõem e quem os colocou lá foram os seus habitantes , mudem as câmaras e mudaram os estilos regionais de governos municipais que mudaram o ocupantes das assembléias que mudaram o modo de governar estadual cuja principal conseguencia é o sonho hoje buscado pelo separatismo!
“Uma pergunta : Será caso passe a separação o crime perpetrado por um político parente ou aderente cometido será ao menos apurado, coisa que hoje acontece por existir um todo no território não fragmentado?
“Mostrem um único exemplo regional que possa servir de espelho para um futuro estado que eu me imolarei em favor da tal separação assim como também me ofereço ao sacrifício se alguém me provar que os interesses não são apenas para aumentar cacife político!”

De um internauta, que se assina FMA, a propósito do oportunismo dos políticos que surfam, por puro arrivismo, no sentimento separatist

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Vereador Adriano Coelho realizaram Ação e cidadania no Bairro do Curio Utinga no sábado dia 30/0920017.

Equipe do Mandato e voluntários da  Ação no Curio Utinga. Comunidade do Curio Utinga e voluntários da Ação. Vereador Adriano coelh...